Lilypie - Kids Birthday

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Que maldade


                                         ( Uma imagem do que faz os meus olhos brilhar)

             Ontem dois meninos que são da salinha dele e ainda por cima são primos agrediram o meu menino juro que não entendo como crianças de 5 anos gostam de magoar,começo achar que isto é tudo de casa parte da educação felizmente não passou de empurrões.O meu filho tem um problema grande tem 5 anos mas a mente dele vai muito mais além quando ele era bebé de 1 ano e tinha dois e o pediatra dizia que ele era demasiado desenvolvido a nível psicológico para a sua idade eu saía de lá toda orgulhosa quando entrou o ano passado para a pré e a educadora disse o mesmo eu continuava orgulhosa mas com o tempo deixei de o estar /estando se é que me faço entender porque é muito prejudicial para ele que acaba por não viver cada etapa na sua idade.
             Eu perguntei se se tinha defendido ele disse que só tinha segurado para não o voltarem a fazer,o que o meu filho não consegue entender e o que se fartou de me dizer é" porque que eles fizeram aquilo se eu não lhes fiz nada? e porque que eles nem falaram empurrarão sem o dizer porque?não está certo,não é justo se eu não lhes fiz mal o porque disto tudo?" a cabecinha dele tenta entender e não julgar, e como é que eu lhe vou explicar que há crianças assim que são más que gostam de magoar só porque sim,é complicado.
             Para terem mais uma ideia como ele pensa,ontem a minha mãe teve de ir em trabalho a uma casa que fica praticamente em frente á casa dos meus sogros e como os meu filhos estão lá ela deve de lá ter ido vê-los o meu filho chega a casa e diz-me : Mamã avó Ana foi a casa da avó Glória e só me deu um abraço nem ficou lá tempo nenhum nem conversou comigo isso não é certo pois não !? foi lá tão pretinho e nem quis ficar um bocadinho com nós nem me perguntou como eu estava.
             Além da minha mãe estar a trabalhar e não poder naquele momento perder muito tempo, como vou explicar ao meu filho que ela é mesmo assim desligada, os netos não são nenhuma prioridade para ela nem faz questão nenhuma de os ver é complicado para mim como filha dela e mãe deles,enfim !!

13 comentários:

  1. Na escola a minha filha ja passou por situaçoes dessas, de meninos que gostam de bater e magoar, e ela sempre fez queixa á professora so que esta nunca deu importancia. Chorou muitas vezes e disse nao contes ao papá, e eu disse-lhe, se os meninos nao param, a bem vao parar a mal, se eles te magoarem defende-te nao fiques quieta. Eu sei que nao devo incentivar a violencia, mas queria que ela se defendesse... e lá se habituou a gerir... fez frente e nunca mais se meteram com ela. Em relaçao aos avos nao ligarem aos netos infelizmente há muito por aí... e a minha familia é daquelas que nao liga a ninguem sejam netos, filhos, irmaos... cada qual na sua vida. Ja tentei muda-los mas ja desisti pois sofria com isso. Agora tenho a minha filha que é a minha verdadeira familia. beijinho

    ResponderEliminar
  2. eu também tenho um irmão mais novo e compreendo todos esses problemas, na minha infância, a minha mãe sempre me disse para perdoarmos, para darmos a outra face etc, mas esse discurso nos dias que correm já não é muito viável na minha opinião, com o meu irmão já tivemos um discurso bem diferente, never start a fight, but always finish it, porque realmente vivemos num mundo cão e não sabemos com quem nos deparamos na rua ou se as pessoas são realmente de confiança, é triste, mas devemos criar um escudo para nos relaccionarmos em sociedade.
    **********
    ele é LINDO :)
    HF

    http://the-hf-blog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Realmente é muito mau. Deve ser uma situação complicada, mas deve ser muito culpa da educação. Enfim. Bjs

    ResponderEliminar
  4. Pois não deve ser nada facil nem para ti nem para ele ser assim tão desenvolvido...Mas isso ainda lhe vai trazer muitas coisas boas vais ver ;)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Que chatice ;( Infelismente esses casos é o que mais se vê pelas escolas...
    Nem sei se será educação se será o feitio das crianças ;/

    PS: O teu menino é lindooooooooooooooooooooo!!!!

    ResponderEliminar
  6. São sempre situações complicadas de explicar. Mas com palavras e carinho tudo se resolve :)

    ResponderEliminar
  7. Realmente o teu menino é muito perspicaz!!Vais ter de lhe explicar que há pessoas mesmo assim... distraídas!!

    ResponderEliminar
  8. Por acaso quando era novo nunca tive esses problemas.
    A minha filha de 2 anos na sala dela também está bem mais à frente do que os outros, mas até agora não teve problemas. caso tenha... vou ter que pensar numa solução! mas pelo que parece..dão-se todos bem!

    ResponderEliminar
  9. Antes de mais deixa-me dizer que o teu filho é lindo.
    Depois que as crianças são mesmo crueis umas para as outras e que tens de lhe explicar isso, quer dizer não é explicar que são crueis mas, que há meninos que fazem essas coisas porque ninguém lhes explicou que não o podem fazer e que é mau fazerem-no.
    Quanto à tua mãe, não expliques. Ainda é muito cedo. Diz apenas que ela tinha de ir trabalhar e que é mesmo assim, quando as pessoas têm pressa só dão um abraço.
    (percebo o que deve sentir, ainda não sei como explicar ao meu, que a minha mãe nunca liga ou ligou para saber dele)
    Bj** tambem tinha saudades.

    ResponderEliminar
  10. Um menino lindo e crescido.. mas deve ser difícil de lidar com certas situações.. pois acabam por não compreender o lado mau deste mundo cruel..

    Beijinhos *

    ResponderEliminar
  11. Nem imagino como ficaste peranto tudo isto... Tadito do teu pequenote...
    Um beijinho doce e um abraço muito apertadinho

    ResponderEliminar
  12. Ele é um bom menino, muito maturo para a idade, mas vai ter que aprender que, por vezes, a única solução é aprender a defender-se, caso contrário, os outros meninos irão sempre aproveitar-se dele.

    Bjokas

    ResponderEliminar
  13. É giro o miudo :P
    Tens razão em ser uma mama babada... :)
    Pensa que por ele ser assim tu consegues ter uma conversa séria e explicar-lhe sempre as coisas...coisa que não ias conseguir se ele tivesse maturidade a menos :)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo vosso comentario,bjinhos