Lilypie - Kids Birthday

quinta-feira, 4 de junho de 2015

A Mulher

              Vai buscar o filho ao futebol, dá-lhe banho vai para casa e com aquela euforia e loucura de uma filha muito elétrica que está tão contente de a ver perde 15 minutos antes de entrar em casa .
              Entramos é TPC para corrigir ,banho para dar á princesa sopa para lhe dar e ainda fazer sopa para o dia a seguir pois acabou e tenho de levar para avó dar ao almoço para ter em casa quando chegar, jantar para fazer ,roupa para arrumar.
             Dou o banho, a sopa e corrijo  os TPC estou acabar de fazer o jantar ponho a mesa e vou chamar o SR. Marido para vir jantar lá acabo o jantar coloco na mesa vou novamente chama-lo a essa altura já tinha tomado um comprimido pois a maldita enxaqueca estava a dar sinais de tormento, volto a chama-lo lá se decide, vamos para a mesa começamos a jantar digo que não estou bem dói-me imenso a cabeça não tive resposta nem recado.
             Acabamos de jantar digo que dói-me mesmo a cabeça nem sinal de "queres que arrume a cozinha e vais te deitar que eu trato dos meninos " começo a ficar fula.
             Trato de um filho para se deitar enquanto a outra mais parece um comboio a alta velocidade, trato de algumas coisas enquanto reclamo e SR. Marido ainda me pergunta porque estou tão zangada, eu não mereço penso para mim, aviso a princesa que mais parece um comboio elétrico que vou por o ruca dar-lhe o leite e quando acabar cama , começa o ruca ela esta  sossegada tenho cerca de 25 min para ele acabar e tenho de tentar arrumar a cozinha nesse tempo, ele está deitado no chão da sala como gosta a dormir ai que boa vida.
           Acaba o ruca filmes e mais filmes para não ir para a cama com muito esforço passados 45 min lá consegui que fosse e que lá ficasse sem mim e adormeceu.
          Vou acabar de arrumar a cozinha preparar os sacos a mochila ,roupa para o dia seguinte e ainda tenho de colocar uns calções de ganga num saco identificado para o Bernardo levar para a escola como foi pedido para uso na sexta-feira, azar o meu os corsários mais giros estão por passar toca a ir buscar o ferro e passar os ditos pois o resto da roupa fica para amanhã. 
         Vou tomar banho a cabeça está quase a estourar, ufa posso me deitar já sonho acordada com esse momento, são 01h30 SR. Marido continua a dormir na sala e eu vou para a cama que não tarda nada estou novamente em pé se correr bem passado 05h20 .

           Ser mulher é mesmo lixado!!  

14 comentários:

  1. Ai, caramba, que já tenho um post há dias a pensar em ti :(
    Beijinhos e muita força (e paciência, não é?)!

    ResponderEliminar
  2. É mesmo. E a maior culpa é nossa, nossa e das mães dos filhos rapazes. Nossa porque nunca exigimos partilha de tarefas e pensamos e mostramos que podemos fazer tudo, é culpa das mães dos filhos homens que não ensinam que também têm que ser responsáveis com a roupa, o quarto, a loiça etc Quantas mães ensinam as filhas a cozinhar, passar a ferro, fazer a cama, etc e quando são os filhos homens não exigem nada disso. Como será o seu filho como companheiro se o exemplo que vê é um pai que não partilha, não colabora?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu filho vê no pai um grande exemplo pois é trabalhador ,planta as nossas batatas, as cenouras ,cebolas etc...
      Construiu a nossa casa a nossa churrasqueira mas nas tarefas domesticas não ajuda muito só se for para cozinhar e de vez em quando mas com o meu filho exijo já alguma coisa pois quero que um dia ajude a mulher :)

      Eliminar
  3. Eu acho que a mentalidade de que a mulher tem sempre que fazer tudo tem de acabar! Quando morar com o meu A vão ser estabelecidas regras e cada um terá a sua tarefa, só assim é que resulta a meu ver! Força!

    ResponderEliminar
  4. Pois é querida...temos que os reeducar e nem sempre é fácil :-)

    ResponderEliminar
  5. Não é mesmo fácil, até porque são os nossos maridos.
    O meu, quando o pai aparece lá em casa com ares de senhor, parece que muda, mas eu cooto-lhe as asas logo, pois mando TODA a gente levantar a mesa, que se querem empregados vão ao restaurante. Resultado: o sogro já nem bufa porque sabe a bicha que aqui anda e o marido já sabe o que tem de ouvir depois.
    Além disso, já disse ao meu filho uam vez que se o pai e a mãe põem a mesa ele também tem de o fazer. O pai inchou.-se a partir daí.
    Não acho que as mulheres tenham de fazer tudo, nem os homens. A partilha é mesmo o melhor.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Assim não é fácil! Mesmo com as tarefas divididas é um corre-corre, agora quando é só uma pessoa a fazer praticamente tudo ... é esgotante! Tens que lhe "puxar as orelhas" ;)

    ResponderEliminar
  7. Mesmo... estavas mesmo a precisar que o sr. marido te ajudasse mais um bocadinho, partilhar tarefas, assim não seria tão difícil

    ResponderEliminar
  8. Continuo a dizer: se querem partilhar a cama... têm que partilhar nas tarefas domésticas e em tudo o que implica uma vida a dois. Partilhar e não ajudar. A casa é dos dois, os filhos são dos dois (salvo seja)...

    ResponderEliminar
  9. Ainda não tenho filhotes e já é uma azáfama, imagino com.

    ResponderEliminar
  10. Uma super mulher!!!!
    Bjs

    www.trapinhartes.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. E pedir ajuda com todas as letras?! Não?! O facto do teu marido ser trabalhador e isso tudo não implica que não tenha que ajudar, nem que seja com os miúdos! Isso era coisinha para discussão feia cá em casa.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo vosso comentario,bjinhos