Lilypie - Kids Birthday

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Acerca do post anterior

                                 Vou falar de algo que se calhar não devia mas não falo com ninguém e este assunto já me anda atormentar há muito tempo.
                                  O meu objectivo de vida era casar e comprar uma casa independente, se fosse preciso  ser um pouco restaurada não havia problema que o meu marido é da arte e era sempre dinheiro que se poupava,neste momento já penso que não me importava de ter comprado um apartamento que seria um t3 mas era meu e estaria a pagar o que seria meu.
                                 Os meus sogros têm uma casa grande com um terreno muito grande lutaram muito para a ter ,passaram muitas dificuldades para terem a casa que têm que de facto tem um espaço maravilhoso,o meu marido assistiu á luta dos pais desde pequeno e desde muito jovem já construiu imensa coisa lá, ele ajudou os pais a terem a casa como têm e o sonho dele era ficar com aquilo que tem muito valor sentimental para ele mas tem uma irmã,eu acompanho-o neste sonho há anos foi difícil negociar com a irmã ela exigiu mais pela parte dela do que o justo, e acabamos por ceder,íamos construir uma casa no terreno que é grande começamos a construir eu própria também lá a trabalhar como moço de obras, acartar baldes de cimento de areia,picar o chão amassar paredes trabalho sem fim com o meu filho de meses ainda, mas como o meu sogro não tinha licença de habitabilidade piorou tudo ,não podíamos pedir o empréstimo para pagar a parte da irmã , ir para engenheiros arquitectos e muito mais, ter de deitar o que construimos a baixo modificar certas coisas na casa que estava no projecto da câmara e não estava assim feito, hoje temos a licença de habitabilidade, depois de eu ter trabalhado muito ter um emprego de dia e gerente em outro emprego de noite (agora não) trabalhei muito ganhei muito dinheiro que está todo investido nesse sonho dele que ainda não concretizou. Agora já podemos pedir o empréstimo ao banco para pagar a parte da irmã e construir a casa lá, mas o acesso ao crédito está muito difícil.
                                 Eu penso que podia ter comprado a minha casinha e não estar a pagar um arrendamento,naquele tempo em que trabalhei muito mas compensou monetariamente poderia ter investido na nossa casa,e agora os meus filhos teriam um espaço diferente aquele espaço nosso que estamos sempre a melhorar,mas não continuo neste impasse e acho que de nada adiantou tanto sacrifício pelo sonho dele que o valor que tenho é o mesmo.
                                 Não estou arrependida pela decisão que tomei de estar ao lado dele em tudo para concretizar esse sonho mas confesso que hoje essa decisão me deixa triste.

15 comentários:

  1. Hummmmm ter uma casa assim no campo era o meu sonho! mas andar a construir sem licenças é do piorio. E ainda por cima ter familia que só pensa no dinheiro e lixa os outros ainda pior! Se tivesse uma irmã que quisesse a minha parte, fazia um preço jeitoso e não a ia xular! os valores de hoje em dia estão trocados! quando chegam as partilhas é que o verdadeiro caracter vem ao de cima.
    Mas é uma casa que vai dar trabalho e ocupar muito do vosso tempo.
    Pessoalmente vivo num T3 mas o meu sonho é ter uma casa à beira mar.. mas isso só se tiver possibilidades (ganhar o euromilhoes) até lá... ando a brincar fazendo plantas para a minha futura casa :)
    Respondendo agora ao teu post, era pesar os prós e contras de ter uma casa aí ou num T3. Independentemente de ter muito valor... se isso for contra aos teus principios ou abalar os pilares de uma relação.. não hesites em dizer não. arrastar o problema só te vai fazer pior!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Enviei-te um email Sandra.
    Beijinho ;o)

    ResponderEliminar
  3. Realmente quando há partilhas pelo meio é sempre complicado...
    Da minha parte sei que nunca vou ter esses problemas, porque eu e o meu irmão temos uma relação exemplar, e nunca nos iremos prejudicar um ao outro...
    Da parte da minha esposa, a situação é bem mais complicada (também derivada de outra coisa), mas essa sim, trará muitos problemas... Mas como também espero que isso demore nem quero pensar nisso...
    De facto investir numa coisa nossa é uma mais valia, mas deixar assim um sonho por realizar??? Eu primeiro investi num apartamento, com a crise aproveitei para investir numa moradia de um banco, fiz um bom negócio, mas não aconselho ninguém a seguir o meu caminho...
    Agora tenho um apartamento à venda, e uma moradia que precisa de muitas obras... Não estou com a corda na garganta, mas a crise já de pos a pensar muitas e muitas vezes se conseguirei aguentar assim...
    Persegui esse sonho e consegui lá chegar, mas a muito custo... (e a custos que ainda nem estão definidos, porque há muita coisa que vou ter que mandar fazer fora...).
    Hoje pensas se essa terá sido a decisão mais acertada, mas verás que daqui por algum tempo vais ficar contente de teres seguido esse sonho...

    ResponderEliminar
  4. São decisões que tomamos e achamos certas em determinada altura, de depois percebemos que havia melhores alternativas...Infelizmente pelo que percebi não há grande volta a dar, por isso encara isso como uma experiencia positiva e segue em frente com a certeza que escolheste a coisa certa na altura em que o fizeste :)


    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Que dilema hein amiga, mas tudo vai dar certo pode ter certeza.
    Bjinhus

    ResponderEliminar
  6. Tambem gostava de ter uma casa independente, mas isso acho que está longe de algum dia acontecer. Actualmente vivo num T2 que pago com muito sacrificio ao banco. Mas o meu sonho era ter uma casa com um grande jardim onde teria espaço para a minha filha brincar e ter tb animais, e um pouco de cultivo.
    Tambem ja tomei decisoes que hoje me arrenpendo de ter dito sim, pois era um sonho dele. E como eu gosto de ver as pessoas que amo felizes, disse muitas vezes sim quando devia ter dito nao. E isso de partilhas e onde há irmaos é sempre complicado, pois de inicio nunca ninguem quer nada e depois querem tudo. Mas dizem que o sonho comanda a vida, por isso o teu sonho um dia realiza-se pois mereces. beijinho

    ResponderEliminar
  7. Quando o sonho começa a ter tantas pedras no caminho parece que não nos apetece seguir em frente... mas deixa as coisas desenrolarem, pode ser que alguma coisa avance..

    Mas nada como um bom apartamento... uma moradia, no campo é trabalho redobrado, ao fim-de-semana temos de deixar 1 dia para limpar em conjunto.. pois sozinhas tudo é + difícil.

    Uma beijoca *

    ResponderEliminar
  8. O que entendo este post querida! estou na mesma situação no T2 alugado o que era provisório ficou pelo permanente, o sonho da minha casa está ali num papel metido na Gaveta, escolhas ou decisões erradas levarão a que ainda não tivesse a minha casa que tanto anseio, entretanto as coisas levaram um rumo complicado no crédito habitação que começou a ficar mesmo impossível construir, a minha situação no emprego vinha a ser precária e ao fim de 10 anos lá vim eu para o fundo desemprego, e agora é que vejo esse meu sonho de ter a minha casa cada vez mais afastado, há amigos que me dizem, oh tu és que estás bem, não tens que te preocupar com a mensalidade de uma casa, que nos leva um ordenado e pagas uma coisa que ao fim e ao cabo nunca te pertence com os pagamentos de IMI, enfim, compreendo quando me dizem isso, mas só eu sei que já poderia ter a minha casinha, infelizmente fiz outras escolhas e optei por esperar por uma altura que não chegou e piorou, e agora então não posso ponderar isso a menos que arranje um trabalho muito bom ( não acredito, está mau para médio e fraco, quanto mais muito bom)! compreendo muito bem o teu sentimento acredita! beijinho muito grande

    ResponderEliminar
  9. Acabarás por concretizar os teus objectivos, mesmo que seja devagarinho não desistas!

    ResponderEliminar
  10. Que situação chata, e o facto de não podermos desbafar com ninguem não ajuda nada,
    bjo

    ResponderEliminar
  11. Hummm se te entendo, eu estou em casa alugada porque estamos sempre adiar o sonho da nossa casa.... mas isso já deu muitas conversas com o meu marido menos agradáveis porque somos de opiniões diferentes... ele não arrisca e acha que eu arrisco demais... mas não é verdade.... ele trabalhou em angola dois anos em que só juntou dinheiro, e eu também... digamos que temos umas poupanças muito acima da média... podíamos comprar a casa e ficar com um empréstimo super baixo ou podíamos comprar o terreno e só ficar com o empréstimo da construção e não todo... só para teres uma ideia... ele não quer, tem medo... eu tb tenho mas sei que se nós não arriscamos, mais ninguém consegue arriscar... estamos os dois a trabalhar e com salários razoáveis.... mas decidi não falar disso por uns tempos...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Sandra,é uma situação delicada.....mas isto de se ter casa própria dá pano para manga....tens de ter calma....e pensar se será mesmo o melhor....

    ResponderEliminar
  13. Mudei toda a minha vida por amor, deixei uma vida muito confortavel financeiramente e comecei do zero, mas sou tão feliz.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Foste muito boa companheira por o teres apoiado no sonho, acima dos teus. É louvável.

    ResponderEliminar
  15. Bem querida, no que toca a familia é do piorio, bem vi pelo exemplo de familiares meus. Quando tiverem o terreno em vosso nome já podem avançar com o resto mas realmente o crédito hoje em dia está muito mal, muito pior do que há dois anos (altura em que comprei casa!).
    Havendo irmãos pelo meio teria optado por comprar um terreno aparte ou até mesmo um apartamento. Mas boa sorte para a concretização dos teus sonhos, fazes bem em não desistir, vais ver que no final vai valer toda a espera e sacrificios.

    Bjokas

    ResponderEliminar

Obrigada pelo vosso comentario,bjinhos